segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Como eram os domingos...

15




Quando os sinos tocavam e a canção de ave-maria rasgava o silêncio das monótonas tardes de domingo, já ao cair da noite, abatia-se sobre a menina a nostalgia de tempos inexistentes. O céu parecia mais baixo e o vento não ventava. O único som daqueles finais de tarde era o da melancólica melodia emanada pela igreja mais próxima e dos pássaros se refugiando em seus ninhos ao cair da noite. Em sua mente e em seus sonhos, a menina sabia que teria como lembrança mais vívida e nostálgica daqueles dias o som da ave-maria nos desde sempre depressivos domingos.

Passados os anos, agora nos outrora tempos inexistentes de antes, quando relembra dos antigos domingos, na memória lhe surge rapidamente a infância, as brincadeiras de boneca, de bola, as cirandas juvenis e os passeios de bicicleta. Como podem dias tão simples trazer na lembrança tão diferentes sensações, esquecidos sentimentos e emoções?

Na vida da mulher de agora, olhando para os tempos de antes, sua vida lhe parecia ser tocada por requintes de magia e fábula, uma época distante e querida, perdida para sempre em sua infância longínqua, naqueles dias tomados por poucas preocupações, muitas alegrias e brincadeiras.

Os domingos de sua vida, com o passar dos anos, mudaram. Mas uma característica à eles inerente nunca foi alterada: todos os domingos sempre foram excessivamente melancólicos e depressivos. A melancolia apenas mudou de cara e ficou mais séria, pois infelizmente, diferentemente dos dias de antes, os de hoje são cheios de reais preocupações, medos, inseguranças e saudades.

São tantas as saudades que sinto de quem está longe...Pena que essa saudade não se restrinja somente aos domingos, quando nos despedimos...


" ...You can't turn back the clock you can't turn back the tide
Ain't that a shame
I'd like to go back one time on a roller coaster ride
When life was just a game
No use in sitting and thinkin' on what you did
When you can lay back and enjoy it through your kids
Sometimes it seems like lately - I just don't know
Better sit back and go with the flow

Cos these are the days of our lives
They've flown in the swiftness of time
These days are all gone now but some things remain
When I look and I find no change..."

15 comentários:

Belíssimas palavras!
Confesso que fiquei extremamente encantada com o seu texto.

Parabéns!

Ai minha linda, domingo é realmente um dia triste desde sempre. Especialmente para nós nesses últimos meses. A saudade é imensurável e a despedida na rodoviária é sempre uma tortura e dura até estar com vc novamente! Sinto a dor de ontem até olhar em seus olhos novamente, e machuca cada vez mais!Te amo mais que tudo minha linda e pra sempre!!
Universo de beijos no seu coração!!

Bons tempos quando a vida era mais simples e não haviam responsabilidades.

que belo texto o seu e traz uma nostalgia pq agente vai lendo e lembrando dos nossos momentos iguais aos que vc descreveu rs. os domingos tem e parece que sempre terá esse clima soturno.
muito legal seu blog

eu postei um texto de minha autoria no meu blog e gostaria que criticasse.

;) http://cenaplanosequencia.blogspot.com/

Adorei seu post!
passa lá?
http://uaimeu10.blogspot.com/

Pura verdade. Os domingos já não são mais os mesmos de outrora. Infelizmente.

SENSACIONAL O TEXTO. parabéns pelo blog. vou seguir.

http://humor-sem-graca.blogspot.com/

Belas palavras, gostei muito..
http://lollyoliver.wordpress.com

Muito bonito o texto =) Gostei

Olá!

Parabéns pelo blog e tão belos textos :D

S.Rïver
http://saimonrio.blogspot.com

Surpreendente a sua sensibilidade... Os detalhes foram primorosos!

;D

Líndíssimo, tanto texto como o poema em inglês... tempo bendito esse né que não perdoa ninguém! Parabéns pelo blog!

Já andei comentando por aqui...
Mas, adorei reler!

Bela imagem!

;D